CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar
MEDITAÇÃO
07.07.2020
CompraZen
Gratidão e perdão - Meditando com o coração
COMPARTILHAR

 

As duas meditações centradas no coração forma concebidas a partir de muitos temas. Nelas você reconhecerá elementos das meditações concentrada, conscienciosa, reflexiva e criativa. Todos esses elementos são usados aqui para ajudá-lo a se conscientizar dos muitos métodos existentes para despertar o amor e a compaixão que nascem da sabedoria do relacionamento profundo.

 

MEDITAÇÃO DA GRATIDÃO

 

Tanto os ensinamentos antigos quanto a moderna pesquisa médica concordam que uma das rotas mais rápidas e diretas para restabelecer harmonia e equilíbrio na vida é o cultivo da gratidão e do reconhecimento. No momento em que você passa de um estado mental de negatividade ou julgamento para um de reconhecimento, efeitos imediatos ocorrem em diversos níveis do seu ser: as funções cerebrais tornam-se mais equilibradas, harmônicas e dóceis; o coração começa a bater em um ritmo muito mais coerente e harmonioso; e modificações bioquímicas acionam um conjunto de saudáveis reações equilibrantes por todo o corpo.

Entre os meios de cura dos povos indígenas, o poder restaurador da gratidão era bem compreendido. Um coração cheio de gratidão produz ações e orações que completam o círculo formado pela dádiva oferecida a nós, o recebedor da dádiva e sua fonte sagrada. Ofertar orações de agradecimento é um gesto de regozijo pela descoberta das muitas dádivas que a vida nos proporciona. Eis uma prática que muitas vezes ensinamos como um meio de coabitar a gratidão e o agradecimento:

 

- Sentando-se sossegadamente, mude em direção a um equilíbrio dinâmico, com alguns minutos de respiração conscienciosa. Traga à mente alguém por quem se sente profundamente agradecido. Enquanto inspira, sinta essa pessoa no coração. Expirando, deixe que sua sincera gratidão brilhe profunda e intensamente para ela e através dela. Continue pelo tempo que quiser, deixando cada respiração levar ao coração um ente querido, um amigo, alguém que foi generoso com você, alguém que o está ensinando a ter paciência ou como perdoar. Deixe cada respiração brilhar do fundo do seu ser através das profundezas do ser deles, para iluminar suas vidas com seu amor. Sentindo no coração seus olhos, ouvidos, mãos e inteligência, abençoe-os de modo semelhante, com o brilho sincero do seu reconhecimento. Reúna no coração quem ou o que quer que surja na mente, um de cada vez ou todos de uma vez. Sentindo essas muitas dádivas no coração, complete e afirme o círculo com gratidão, assegurando que o fluxo de bênçãos na sua vida e no universo será contínuo.

 

 

perdao-e-gratidao-meditando-com-o-coracao-amor-paz-felicidade-nosso-blog-imagem.jpg

 

 

MEDITAÇÃO DO PERDÃO

 

Enquanto desenvolvemos a prática da meditação, nos tornamos naturalmente mais conscientes do que está ocorrendo na mente. Compreendemos melhor o que sentimos e por quê. Começamos a desvelar as discrepâncias em nossas vidas e a entrar em contato com as feridas e mágoas de antigos relacionamentos. Lentamente, somos capazes de desfazer mal-entendidos e curar velhas feridas. A meditação do perdão é um meio maravilhoso para curar a dor de antigas mágoas que bloqueiam o coração e nos impedem de ter autoconfiança e de sentir amor por nós e pelos outros. O perdão é o segredo para abrirmos o coração, para aprendermos com as lições dolorosas do passado de modo a adentrarmos o futuro desobstruídos:

 

- Comece sentando-se sossegadamente, relaxando o corpo e focalizando a mente com a respiração. Deixe as memórias, as imagens e as emoções flutuarem livremente, independentemente de quão dolorosas sejam – coisas que você fez, disse e pensou, pelas quais não se perdoou.

- Diga para si, de coração: “Eu me perdoo por tudo que possa ter feito no passado, intencionalmente ou sem querer, por meio de ações, palavras e pensamentos, que me causou dor. Já sofri o bastante! Aprendi e cresci, e agora estou pronto para abrir o coração a mim. Que eu possa ser feliz, que eu possa ser livre da confusão, que eu conheça o trabalho de compreender verdadeiramente a mim, os outros e o mundo. Que eu venha a conhecer minha inteireza e totalidade e ajudar os outros a fazerem o mesmo”.

- Agora, no espaço à sua frente, imagine uma pessoa que você ama e a quem deseja perdoar ou de cujo perdão você necessita. De seu coração para o dele, comunique diretamente essa intenção: “De todo coração, eu o perdoo por tudo que você possa ter feito, intencionalmente ou sem intenção, por suas ações, palavras ou pensamentos, que me causou dor. Eu o perdoo e peço que me perdoe por tudo que possa ter feito, intencionalmente ou sem intenção, por minhas ações, palavras ou pensamentos, que lhe causou dor. Por favor, me perdoe. Que você seja feliz, livre e jovial. Que ambos possamos abrir nossos corações e mentes para nos encontrarmos no amor e na compreensão, enquanto crescemos em nossa inteireza”. Imagine que essa mensagem é recebida e aceita e afirme o sentimento de cura entre vocês. Deixe a imagem dessa pessoa se fundir ao espaço.

- Agora, no espaço à sua frente, imagine alguém em relação a quem sente muito ressentimento ou negatividade. De modo decidido, e de coração para coração, comunique a essência do seguinte: “De coração, eu o perdoo por tudo que você possa ter feito, intencionalmente ou sem intenção, que me causou dor. Eu o perdoo pelas ações, palavras e pensamentos que você manifestou de sua dor, confusão, insensibilidade e medo. Eu o perdoo e peço que me perdoe pela maneira pela qual, intencionalmente ou sem intenção, fechei meu coração a você. Peço perdão por tê-lo feito sofrer. Que você possa ser feliz. Que você possa livrar-se do sofrimento e da confusão. Que possamos abrir nossos corações e mentes para nos encontrarmos no amor e na compreensão, enquanto crescemos em nossa inteireza”. Imagine que essa mensagem foi recebida e aceita e afirme que a cura ocorreu dentro de você e entre vocês dois. Depois deixe a imagem se fundir no espaço.

- Agora pense nas incontáveis pessoas para quem você fechou o coração. Lembre como você se sentiu e o que fez quando certas pessoas o trataram mal, lhe falaram asperamente, pegaram a “sua” vaga do carro, formaram uma fila enorme à sua frente, ad infinitum... Pense em quantas pessoas você magoou de alguma maneira por suas ações, palavras e pensamentos conscientes ou inconscientes. Quantas vezes não foi você quem maltratou os outros, que aumentou a fila, que falou asperamente? Imagine esses incontáveis seres diante de você. De seu coração para o deles, produza a essência do seguinte: “Eu os perdoo por tudo que vocês fizeram, intencionalmente ou sem intenção, que me fez sofrer. Eu os perdoo e peço que me perdoem por tudo que fiz, intencionalmente ou sem intenção, que os machucou. Que você, eu e todos nós possamos criar os motivos para felicidade em nossas vidas. Que possamos suplantar e transformar as causas de nosso sofrimento. Que todos possamos vir a conhecer a alegria de verdadeiramente compreender e vivenciar nosso inter-relacionamento. Que possamos abrir nossos corações e mentes uns para os outros e nos encontrar em harmonia”.

 

Repita essa meditação reflexiva com a frequência que desejar. Ao término, imagine e sinta, tão vívida e inteiramente quanto puder, que você de fato liberou toda culpa e reprovação em relação a si mesmo. Nesse presente momento, permita-se sentir perdão e uma aceitação paciente de suas ações passadas.

 

 

Fonte: O Poder da Meditação - Um manual para o bem-estar e o relaxamento, Joel Levey e Michelle Levey, Nova Era

 

 

Sinta o amor e o coração vibrando em cada momento da existência:

 

 


Voltar

ÚLTIMOS POSTS

21.07.2020
Para abordar o tema da vida interior é importante colocar duas questões que podem ser empecilhos e ...
Leia mais
07.07.2020
As duas meditações centradas no coração forma concebidas a partir de muitos temas. Nelas ...
Leia mais
23.06.2020
Usar a repetição como técnica de memorização pode parecer simples e óbvio ...
Leia mais
RECEBA NOSSA NEWSLETTER
CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar

CompraZen, seu companheiro de jornada

Formas de pagamento

Formas de pagamento

Redes sociais

Facebook Instagram Youtube

Atendimento

(11) 4721-5028

(11) 93148-0456

Buda
2017 - Todos os direitos reservados - Compra Zen www.comprazen.com.br - CNPJ 15.294.311/0001-88
Rua Francisco Martins Feitosa, 119 - Mogi das Cruzes - SP - 08735-420 - Brasil
Preços, condições e promoções exclusivos para o site, podendo sofrer alterações sem prévia notificação.