CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar
CULTURA
11.05.2021
CompraZen
A força expansiva do Sol
COMPARTILHAR

 

Alquímica e astrologicamente, o Sol ocupa um lugar especial no mundo do esoterismo. Simbolicamente ele se relaciona ao ouro, como a força e energia mais resplandecente e radiante no mundo perceptível. Representa a meta que os alquimistas buscavam com seus experimentos para transformar em ouro os metais inferiores. O ouro é imutável e inalterável, irradiando tanto energia quanto pureza. Ao lado do diamante, é um dos materiais naturais mais estimados que existe. O Sol divide com o ouro essas mesmas qualidades, mas a partir de uma dimensão superior dos mundos cósmico e espiritual.

Em algum momento, a maioria das culturas adorou o Sol como a suprema força cósmica. Ele é a força que cria e sustenta a vida no planeta. É vital para toda a vida como doador de calor, energia e luz. Esotericamente, é o centro do ser humano e simboliza a alma, a energia do coração e a iluminação espiritual.

Em muitos sistemas filosóficos o Sol é a energia masculina, ou yang, e está associado às cores amarelo, laranja, branco e ouro, ou a uma mistura delas. A Lua é a energia feminina, ou yin. Suas cores são o prata e às vezes o branco. O Sol é a força expansiva e criativa, enquanto a Lua é reflexiva e contemplativa. Os principais símbolos do Sol são o círculo, a estrela e o anel com um ponto no centro (Astrologia). Outros símbolos são a cruz solar e a cruz equatorial, simbolizando os quatro elementos: terra, água, ar e fogo. Existem muitas outras imagens simbólicas, como a custódia católica, a rosa-dos-ventos gótica e várias estruturas geométricas.

 

 

a-forca-expansiva-do-sol-esoterismo-alquimia-universo-energia-cosmica-nosso-blog-robert-fludd.jpg

 

 

Na gravura de Robert Fludd (acima), o Sol emana raios de calor e luz, tendo recebido uma face humana para representar a microcósmica luz interior e a alma da humanidade. Para Fludd, o Sol é também o coração do macrocosmo, o ponto preciso entre os triângulos de luz e treva, a “esfera de equilíbrio” de forma e matéria. No interior do Sol está a alma cósmica doadora de vida. Robert Fludd aceitava a visão de muitos alquimistas, filósofos e cientistas de que se deve dar ao Sol absoluta primazia na ordem planetária como ponto mediano na criação entre o cosmo exterior e nosso próprio nível de manifestação.

A visão de algumas religiões é de que o Sol representa a luz exterior, enquanto o que é essencial do ponto de vista espiritual é a luz interior dentro de cada ser humano. Mais próximo da verdade está afirmar-se que a “luz”, como energia de vida, é tanto interior quanto exterior, e que para viver precisamos de ambos os tipos, tanto energia cósmica quanto orgânica.

 

 

a-forca-expansiva-do-sol-esoterismo-alquimia-universo-energia-cosmica-nosso-blog-imagem.jpg

 

 

Cientificamente falando, o Sol é apenas uma entre bilhões de estrelas que iluminam o universo. Para nós é a estrela doadora de vida, no centro de nosso sistema solar. O Sol é a razão material por que existimos. Ele afeta nossas vidas em muitos níveis. Nossa própria existência pode ser localizada geneticamente desde o início de nosso sistema solar. Sem a energia do Sol ao longo dos últimos quatro ou cinco bilhões de anos, não estaríamos aqui. Ele é uma parte intrínseca de quem somos. As emanações de forças cósmicas, incluindo radiação e magnetismo, combinam-se para nos afetar e nos manter ao longo de nossa vida. O modo como reagimos ao Sol durante nosso período de vida determina aspectos de nossa psicologia, fisiologia e bem-estar espiritual.

O relacionamento de nosso sistema solar com nossa galáxia e outros sistemas planetários nos liga a todo o cosmo. Talvez a jornada da raça humana esteja apenas começando, e em algum ponto no futuro tenhamos que viajar até outras regiões cósmicas, de uma maneira ou de outra.Enquanto isso, continuamos a nos maravilhar com o milagre do Sol e a geração de energia solar, eletromagnética e cósmica que mantém nosso planeta, a natureza e a força-vida dentro de nós e à nossa volta.

 

 

Fonte: Sophia, Editora Teosófica, Jan/Fev 2013

 

 

Uma canção luminosa, combinando força e esperança:

 

 

O SOL

(Antonio Júlio Nastácia)

 

Ei, dor! Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Ei, medo! Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada, nada

E se quiser saber pra onde eu vou
Pra onde tenha sol, é pra lá que eu vou
E se quiser saber pra onde eu vou
Pra onde tenha sol, é pra lá que eu vou

 


Voltar

ÚLTIMOS POSTS

14.09.2021
Este texto foi desenvolvido a partir de uma pesquisa médica intitulada A ciência descobre o verdadeiro ...
Leia mais
31.08.2021
Todas as idades, assim como todas as circunstâncias, têm suas compensações. Muitas pessoas ...
Leia mais
17.08.2021
O Tao Te King é um texto religioso do Taoísmo, escrito pelo sábio chinês Lao-Tzu ...
Leia mais
RECEBA NOSSA NEWSLETTER
CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar

CompraZen, seu companheiro de jornada

Formas de pagamento

Formas de pagamento

Redes sociais

Facebook Instagram Youtube

Atendimento

(11) 96706-4719

Buda
2017 - Todos os direitos reservados - Compra Zen www.comprazen.com.br - CNPJ 14.088.607/0001-80
Rua Francisco Vaz Coelho, 847 - Vila Lavínia - Mogi das Cruzes - SP - 08735-440 - Brasil
Preços, condições e promoções exclusivos para o site, podendo sofrer alterações sem prévia notificação.