CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar
CULTURA
26.12.2018
CompraZen
Prepare-se para o Ano-Novo
COMPARTILHAR

 

Muitos não sabem, mas o ano-novo como conhecemos existe há apenas cinco séculos. A primeira celebração do gênero que se tem notícia data de 2000 a.C., na Mesopotâmia. Era o “Festival de ano-novo”, que ocorria na lua nova do equinócio de primavera, época em que o Sol está próximo à linha do equador, fazendo com que dias e noites tenham igual duração. Era o período em que as novas safras eram plantadas. Já os assírios, os persas, os fenícios e os egípcios brindavam o ano-novo em setembro, por volta do dia 23, enquanto os gregos comemoravam o início do novo ciclo entre 21 e 22 de dezembro.

Os primeiros a determinarem uma data fixa para a celebração foram os romanos, em 753 a.C. No começo, o ano-novo era festejado em 25 de março, dia que marcava a chegada da primavera. As festas duravam uma semana e terminavam em 1º de abril. Em 154 a.C., o dia foi alterado para 1º de janeiro e mantido no calendário juliano, que entrou em vigor em 46 a.C., estabelecendo os doze meses que somavam 365 dias. Em 1582, a Igreja instituiu o calendário gregoriano, adotado pela maioria dos países ocidentais, e a comemoração foi consolidada na data que conhecemos atualmente.

No século XVII, a palavra francesa réveillon, que significa “acordar”, era usada para designar jantares longos e chiques que ocorriam até depois da meia-noite em vésperas de datas importantes. Com o tempo, se popularizou como sinônimo da festa de passagem de ano.

 

 

 

prepare-se-para-o-ano-novo-reveillon-sorte-prosperidade-felicidade-saude-amor-nosso-blog-1.jpg

 

Escócia: É costume tradicional homens e mulheres desconhecidos beijarem-se na boca. Uma superstição: se a primeira visita do ano for a de um homem moreno, é bom presságio. Se for a de um sujeito ruivo, é mau agouro. Agora, azar mesmo é abrir as portas para uma mulher.

Áustria: À meia-noite, os austríacos jogam chumbo derretido num copo d’água e as imagens que surgem no metal viram um amuleto para a realização dos pedidos.

Cingapura: As pessoas trocam tangerinas – símbolo de prosperidade – ou pacotes vermelhos de dinheiro. Os presentes são sempre em número par, para atrair sorte.

Colômbia, Peru e Venezuela: Após a meia-noite, as pessoas dão a volta no quarteirão com uma mala vazia, despedindo-se de todos que cruzam pelo caminho. Fazem isso para atrair muitas viagens no novo ano.

Equador: Bonecos com fogos de artifício são montados, acesos e queimados exatamente à meia-noite.

Espanha: As comemorações duram dez dias e vão de 28 de dezembro, Dia dos Santos Inocentes, até dia 6 de janeiro, Dia de Reis.

Filipinas: As pessoas vestem roupas com estampa de círculos ou bolinhas para atrair boa sorte. Jogar moedas à meia-noite é costume para trazer riqueza.

França: No país que deu origem ao nome da festa, réveillon, é comum preparar ostras e frutos do mar para a ceia de Ano-Novo, acompanhada de brindes com champanhe.

Grécia: Um pão especial chamado vasilopita, com uma moeda dentro, é servido à meia-noite do dia 31. Quem tirar a moeda terá boa sorte no ano que chega.

Honduras: Os hondurenhos jogam três laranjas debaixo da cama para depois pegar a primeira sem olhar. Se colherem uma laranja com casca, o ano terá sorte. Sem parte da casca, será regular. Pegando a laranja descascada, o ano será ruim.

Inglaterra: Os ingleses costumam usar rolhas de garrafas de champanhe como amuletos, furando a cortiça e colocando dentro dela uma moeda.

Itália: Na passagem de ano, os italianos fazem barulho e festa com fogos de artifício, pois acreditam que quem dorme na virada do ano dormirá o ano todo. Em algumas regiões, é costume jogar fora a mobília velha, coisas que alguns fazem atirando objetos pela janela mesmo.

Japão: No dia 31, é realizada a cerimônia Joya no Kane, em que um sino é tocado 108 vezes para expurgar pecados e desejos mundanos. Para cada badalada, faz-se um desejo. É comum também fazer um ritual de limpeza na casa e pendurar uma corda de arroz na entrada para afastar os maus espíritos.

Líbano: O costume curioso deste povo é comer apenas alimentos brancos na noite da passagem do ano.

México: O país tem várias tradições supersticiosas. Uma delas é pendurar bonecos em forma de ovelha nas maçanetas para chamar prosperidade.

Nova Zelândia: A ilha Pitt, na costa oriental do país, é um dos primeiros territórios habitados a receber o sol do ano-novo.

Portugal: Uma das principais tradições portuguesas é sair às janelas das casas batendo panelas para festejar a chegada do ano novo.

Turquia: Na véspera de ano-novo, os turcos costumam trocar presentes durante uma festa repleta de comida tradicional.

 

 

 

prepare-se-para-o-ano-novo-reveillon-sorte-prosperidade-felicidade-saude-amor-nosso-blog-2.jpg

 

Hora do brinde: Por serem bebidas feitas de uva, vinho e champanhe carregam uma série de associações positivas e otimistas. Para fazer um brinde ao ano que nasce, dê preferência aos copos de cristal.

Arrumando a mesa: Ao enfeitar a mesa para a ceia de réveillon, coloque alguns ramos de trigo. Símbolo de abundância, fertilidade e riqueza, o trigo também está relacionado ao sucesso no trabalho e às conquistas pessoais.

Menu proibido: Na ceia de Ano-Novo, evite comer aves, como peru e frango, e crustáceos, como o caranguejo. Esses animais ciscam ou andam para trás e muitos povos acreditam que comê-los provoca regressos na vida.

Prato cheio: Porco e leitão são itens indispensáveis na ceia de quem deseja um ano com muita evolução pessoal. Como o porco anda e fuça para frente, é considerado um animal de prosperidade. E mais: seu alto teor de gordura simboliza fartura e riqueza.

Caiu na rede: Como vivem na água, os peixes simbolizam purificação. Além disso, suas características enfatizam a amizade e a fertilidade, afinal, os peixes quase nunca estão sozinhos e se reproduzem a partir de uma infinidade de ovas.

Arroz de festa: Muitos países acreditam que o arroz é um grão que simboliza riqueza, abundância e fertilidade. Por ser um alimento fortemente ligado à sorte, costuma ser apreciado na noite da virada em lugares como Coreia, Japão, Líbano e Dinamarca.

Campeã da sorte: Segundo as mais diversas tradições, comer lentilhas à meia-noite atrai prosperidade e boa sorte durante o ano inteiro, e esse deve ser o primeiro alimento servido na ceia. Procure fazer mais de um prato e divida com vizinhos e amigos.

Dinheiro o ano todo: Exatamente à meia-noite do dia 31, coma doze uvas verdes para ter dinheiro em abundância em todos os meses do ano.

Mais dinheiro chegando: Chupar sete sementes de romã na noite de réveillon é outro clássico no quesito dinheiro e fortuna. Após chupá-las, embrulhe as sementes em um pedaço de papel-alumínio e guarde na carteira para andar de bolso cheio durante o ano todo.

Salada mista: Para ter muita sorte e saúde no novo ano, coma uma salada composta por sete frutas diferentes, entre as quais predominem as uvas verdes e o melão. A cada fruta ingerida, faça um pedido de sorte.

Sorte de quem tem: Graças à sua resistência e capacidade de armazenagem por muitos meses, inclusive no inverno, as frutas secas, como nozes, castanhas e avelãs, sempre foram associadas à fartura e à sorte.

Alimentos da fé: Fortemente ligado ao cristianismo, o figo está associado à imagem de Maria, mãe de Jesus. Por conta disso, acredita-se que a fruta traga muita saúde e prosperidade se comida na noite de ano-novo.

 

 

 

prepare-se-para-o-ano-novo-reveillon-sorte-prosperidade-felicidade-saude-amor-nosso-blog-3.jpg

 

 

Beleza em flor: Prepare sua casa para o réveillon espalhando flores em todos os cantos. Conheça o que algumas delas representam: Angélica: aumenta a autoestima; Cravo: atrai conquistas e a realização de sonhos; Crisântemo: protege contra inveja e simboliza abundância; Dália: promove a realização profissional; Lírio: fortalece a união familiar e a generosidade; Rosa: embeleza e limpa os ambientes; Tulipa: traz fama e glória; Violeta: representa lealdade.

Operação limpeza: Nos últimos dias do ano, dê uma geral nos armários e separe tudo o que não vai ser usado. Arrume papéis e jogue fora todo tipo de lixo e objetos sem utilidade, como coisas quebradas e lâmpadas queimadas. Abra espaço para o novo e o bom entrarem.

Faxina completa: No dia anterior ao réveillon, procure fazer uma boa limpeza, varrendo todos os cômodos. Comece dos fundos até a entrada, para espantar as energias acumuladas.

Sorte na virada: Na véspera do Ano-Novo, defume todos os cômodos com um defumador feito com carvão, xerém e açúcar. A fumaça desses elementos atrai sorte e dinheiro.

Lavando a alma: Para eliminar as energias ruins, muitas pessoas lavam o batente das portas com sal grosso e água. Depois borrifam água benta nos quatro cantos da casa.

Tudo novo: Na noite da virada, troque todas as roupas de cama e de banho, colocando peças novas e limpas.

Roupa arrumada: Na virada do ano, evite deixar roupas pelo avesso e sapatos virados para baixo, pois dizem que atrai mau agouro.

Um ano iluminado: Perto da meia-noite, abra todas as portas e janelas da casa. E não se esqueça de deixar todos os ambientes bem iluminados.

De olho na folhinha: Antes de pendurar um novo calendário em casa, procure rezar e depositar nele seu credo, passando os olhos por todos os meses e mentalizando o melhor em cada um deles.

Proteção total: Pendure galhos de alecrim na entrada da casa e dos principais cômodos. O alecrim emite ondas de frequência incompatível com a energia dos ladrões ou de pessoas impuras.

Decoração da prosperidade: Na noite de Ano-Novo, decore a casa com um vaso de vidro transparente. Encha-o com arroz cru até a metade. Sobre o arroz, coloque seis moedas douradas. No centro delas, coloque uma maçã e, ao redor dela, disponha seis folhas de louro. Ao murchar a maçã, troque-a por uma nova ou se desfaça de tudo. O ritual pode ser mantido durante o ano todo, só substituindo a maçã.

Faça seu próprio altar: Escolha um local em casa ou no jardim. Pode ser um canto do quarto ou perto de uma planta. No primeiro dia do ano, após tomar banho, vá até esse local e imagine as boas energias chegando e as ruins indo embora. Acenda um incenso, faça uma oração ou recite um salmo de sua preferência, consagrando o local como seu cantinho espiritual. Durante o ano, recorra a ele sempre que precisar de intervenção divina.

 

 

 

prepare-se-para-o-ano-novo-reveillon-sorte-prosperidade-felicidade-saude-amor-nosso-blog-4.jpg

 

 

Dinheiro no pé: Outra forma de atrair dinheiro para sua vida é usar uma nota dentro do sapato durante a noite da virada. Ao terminar a festa, retire a nota e guarde na carteira durante o ano, sem utilizá-la.

Renovar é preciso: Para começar o ano de forma renovada, use alguma peça de roupa nova durante a virada. E não se esqueça: calcinha ou cueca nova simbolizam sorte no amor.

Dinheiro no bolso: Procure deixar alguma cédula ou moeda dentro dos bolsos, para garantir um ano com dinheiro sempre à mão.

Ano sem apertos: Evite usar roupas apertadas e desconfortáveis na noite de 31 de dezembro, pois isso pode atrair algumas dificuldades durante o resto do ano.

Com que roupa eu vou: Na noite de réveillon, procure usar uma peça de roupa que tenha ligação com o que você deseja alcançar no ano que se aproxima: uma estampa, uma frase, uma cor. Vale qualquer coisa que tiver uma forte simbologia para você.

Maquiagem nos olhos: Antigos egípcios costumavam acreditar que a maquiagem impedia os maus espíritos de entrarem pelos olhos na noite do ano-novo. Dica perfeita para a mulher que quer estar linda na ceia.

Virada sem furo: Para atrair boa sorte, além das cores, certifique-se de que todos os buracos ou rasgões das roupas estejam costurados e os botões, totalmente pregados. Além de ficar mais elegante, você impede que as boas energias escapem pelas suas vestimentas.

Pé de meia: A partir do dia 28, use um par de meias brancas novas durante três dias. No dia 31, coloque ao sol do meio-dia o pé direito e depois jogue a meia longe em um lugar seco. À meia-noite, coloque o pé esquerdo da meia ao luar e mande longe como o outro pé. Ao fazer esse gesto, repita as seguintes palavras: “Minhas meias foram longe. Não tem teia, nem idade. Se forma, porque se foram, virá a felicidade. Assim seja”.

Anel da sorte: Na véspera do Ano-Novo, vista roupas brancas e compre um anel chamativo. Pode ser bijuteria, não precisa ser joia. Jogue o anel dentro de uma taça de champanhe e acenda uma vela branca em frente à taça. Ao bater meia-noite, retire o anel da taça, coloque no dedo e beba o champanhe pedindo boa sorte e fortuna. O anel não deve ser tirado e nem trocado de dedo durante o ano.

A cor predileta: Confira o vídeo abaixo e escolha a cor ideal para alcançar o que deseja.

 

 

 

 

Fonte: Simpatias para o Ano-Novo, Fernando dos Santos Pereira,  Alaúde

 


Voltar

ÚLTIMOS POSTS

16.07.2019
A mudança é nossa maior aliada na nossa jornada pessoal para a transformação espiritual. ...
Leia mais
09.07.2019
Meu nome é Carolina, mas pode me chamar de Carol. Sou mineira, tenho 32 anos e estou aqui para contar para ...
Leia mais
02.07.2019
A respiração é o condutor de um dos sentidos mais importantes: o olfato. Feche os olhos por um ...
Leia mais

VEJA TAMBÉM

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
CompraZen
Meditação, yoga e bem-estar

CompraZen, seu companheiro de jornada

Formas de pagamento

Formas de pagamento

Redes sociais

Facebook Instagram Youtube

Atendimento

(11) 4721-5028

(11) 93148-0456

Site seguro

     
SOBRE CERTIFICADOS SSL
Buda
2017 - Todos os direitos reservados - Compra Zen www.comprazen.com.br - CNPJ 15.294.311/0001-88
Rua Francisco Martins Feitosa, 119 - Mogi das Cruzes - SP - 08735-420 - Brasil
Preços, condições e promoções exclusivos para o site, podendo sofrer alterações sem prévia notificação.